Avisos por conta da pandemia de Coronavírus

Comunicados

Avisos por conta da pandemia de Coronavírus

Prezado (a) associado (a),

Por conta do cenário global de pandemia causada pelo novo coronavírus, e em especial por conta do elevado número de associados com mais de 60 anos de idade, a Afipea adotou uma série medidas:

1) Está adiada a reunião sobre a GCG que ocorreria amanhã (17 de março) no escritório Torreão & Braz. Nova data será oportunamente divulgadas;

2) Estão suspensos os atendimentos presenciais nas sedes da Afipea em Brasília/DF e no Rio de Janeiro/RJ. Em caso de necessidade, o atendimento aos associados ocorrerá via formulário online, celulares e WhatsApp (61-98621-0072 e 21-97206-5230), das 8h às 17h e por e-mail (comunicacao@afipea.org.br).

3) A Afipea recomenda que todos os associados que têm planos de saúde da Assefaz, cujo convênio se encerra em 30 de abril, entrem em contato telefônico diretamente com a FIPECq Vida (0800-61-2002) e com a empresa Servix (0800 603-9191)É importante agilizar o seu processo de migração de plano de saúde, não deixe para última hora.

4) A Afipea também informa que o Fonacate cancelou a mobilização programada para ocorrer no próximo dia 18 de março.

5) Em caso de necessidades específicas, o setor jurídico da Afipea manterá o serviço de assessoria jurídica aos seus associados. Para isso, deve ser feito contato pelo e-mail juridico@afipea.org.br

6) A Afipea também parabeniza a Presidência do Ipea pela tempestividade da Portaria nº 49, de 13 de março, que institui em caráter temporário o teletrabalho para os servidores.

7) Hoje, 16 de março, a Afipea encaminhou o Ofício nº 11/2020 para o Ipea com a sugestão de paralisar todas as atividades das sedes do Ipea em Brasília e no Rio de Janeiro, destinando ao teletrabalho todas as áreas do Ipea onde isso se fizer possível, incluindo servidores, bolsistas presenciais e funcionários terceirizados, até 30 de abril, sendo prorrogável em caso de necessidade.

Em nome da preservação da saúde de todos os associados, a Afipea irá manter essas medidas enquanto durarem as restrições indicadas pelas autoridades do Poder Executivo Federal, Estadual ou Distrital. Também é recomendado que todos sigam as recomendações para garantir o rápido e seguro enfrentamento a esta ameaça de saúde pública.